Uma vez assisti a um vídeo em que dois Coaches que eu admirava muito conversavam naturalmente sobre o processo de Coaching. Eles falavam sobre como essa filosofia é necessária para a pessoa física e a pessoa jurídica. Pensando bem elas não se distinguem muito, não é mesmo?

Eu estava gostando muito de assistir ao papo até que a renomada Coach afirmou categoricamente: ‘existem maus profissionais Coaches no Brasil’. Eu enviei um feedback com a minha modesta opinião porque era o que eu poderia fazer naquele momento. E agora quero expor publicamente o que penso sobre essa fala.

Quando um profissional vai a um canal de mídia afirmar publicamente que existem outros profissionais como ele que não são tão bons, num primeiro momento ele pode até pensar que está fazendo uma ótima autopromoção. Sim, claro, se eu digo que existem profissionais ruins no mercado eu estou dizendo implicitamente que só eu sou boa, certo?

Já que não teria como apontar quem são os ruins. Mas essa autopromoção na verdade é um demérito próprio porque quando um leigo (possível cliente) ouve dizer que existem maus profissionais de determinada área no mercado, automaticamente, ele pensa que todos são ruins.

A profissão Coach não é regulamentada, ou seja, não existe faculdade para se tornar um Coach. Os profissionais passam por um curso de certificação e após cumprirem algumas funções que variam de instituto para instituto, eles recebem uma certificação para atuarem. Sendo assim não aprendem sobre ética porque essa é uma matéria não inclusa nos institutos de formação.

Você nunca vai ver um médico, por exemplo, indo a público dizer que existem maus médicos no mercado. Simplesmente porque ele estudou sobre ética na faculdade e sabe que estaria afetando negativamente toda a classe médica (incluindo ele próprio) nessa fala.

E por qual razão é comum assistirmos Coaches dizendo que existem Coaches ruins no mercado?

Porque esses Coaches têm medo. E essa é a forma que eles encontraram de se autopromover. Você não precisa entrar nessa. Se algum dia você já disse que existem profissionais ruins no mercado e isso te preocupa, eu te convido a deixar essa ideia de lado e se manter focado em ser você o melhor ao invés de se preocupar como a forma que os outros fazem ou deixam de fazer por aí. Honre você a filosofia do Coaching sendo o melhor Coach que você pode ser. Diga que existem excelentes profissionais no mercado e, consequentemente, você estará se valorizando.

Se algum dia disseram que a sua atuação como Coach era ruim, saiba que todos passam por uma fase de aprendizado e experiência. Todo Coach, por mais experiência que possua, pode se permitir errar e, mais do que isso, ao invés de desistir e se retrair, aprender com esses erros.

Não existe vitória sem aprendizagem e não existe aprendizagem sem erros e acertos. Ninguém nasce repleto de experiência, todos os Coaches começaram um dia do zero. A diferença entre os que alcançaram seus objetivos e aqueles que ficaram para trás foi a permissão que se deram de errar e a ressignificação que deram a esse processo para seguir em frente.

O processo de ser o melhor Coach que você pode ser passa pelo seu direito de errar e pelo seu dever de seguir em frente.

Comenta aqui sobre o que você pensa sobre esse assunto e também sobre que outros assuntos você gostaria de ver aqui no blog que é seu!

Vamos juntos!